Hoje celebro 22 anos de vida. Olhando para o meu percurso, se eu pudesse dizer algo a mim mesma, em alguma altura do passado, dizia: “Deixa a vida acontecer!”.

Queria ter determinadas coisas e ao invés de me focar nelas, pôr ação e largar, tentava controlar para ter a certeza que as recebia. Mas quanto mais fazia isso, mais me afastava de as receber…

Queria sentir-me bem comigo mesma, mas não abria mão de todos aqueles conceitos que me traziam todo o mal-estar que sentia diariamente…

Queria, queria, queria, mas não deixava que isso acontecesse. Tinha tudo bem pertinho de mim, mas bloqueava o facto de isso ser possível e real.

Cada vez mais vejo que tudo é uma questão de consciência. Quanto mais expando a minha visão da vida, melhor vejo que a única que impedia que os resultados se materializassem na minha vida era eu.

Pelos medos, pela ansiedade e pela culpa bloqueava todo o processo que fazia movimentar as oportunidades.

Se hoje estou a viver aquilo que sempre sonhei é porque mudei e vejo a vida de um prisma diferente. Sempre pude viver assim; não permitia que isso acontecesse devido a crenas limitantes.

É uma questão de treino? Sim, todos os dias foco-me na expansão da consciência e fico maravilhada com tudo aquilo que tenho a oportunidade de viver e expectante por aquilo que ainda está à minha espera.

Quando deixo a vida acontecer, milagres acontecem e fico sempre surpreendida pela fluidez de todos os momentos.

Obrigado por mais um ciclo, que com toda a certeza me trará muitas bênçãos, muito amor e muita expansão da consciência!

Até amanhã!

Ângela Barnabé

Foto original por Michael Durana on Unsplash

Podes também gostar de:

Holler Box

Pin It on Pinterest