saber fazer

Nestes últimos dias tenho feito coisas que sempre quis fazer, mas que nunca me dispus a fazê-las. Isso fez-me refletir na minha conduta quando sou apresentada a nova tarefas.

Quero ter a experiência que só se obtém fazendo algo, mas sem ter que passar por todo o processo de aprendizagem que isso requer.

Já tinha refletido sobre isso e penso também já ter escrito alguns textos com este mesmo tema, mas nunca tinha visto isto desta maneira.

O meu perfecionismo sempre foi algo que me impediu de experimentar novas coisas e de sair da minha zona conhecida. Muitas vezes desisti de fazer tarefas por querer saber fazer bem, mas à primeira.

Mas o que é isso de saber fazer bem?

Aquilo que eu até à pouco tempo considerava erro, agora vejo claramente que é apenas uma aprendizagem. Cada vez que eu vejo algo que não está “bem feito” estou realmente a olhar para uma oportunidade de fazer melhor.

Quanto mais vezes faço algo, mais experiência adquiro e mais oportunidades de melhoria encontro.

Quando tenho a vontade de fazer algo e me entrego a isso mesmo, não existe bem ou mal feito; tudo o que acontece é um processo de aprendizagem e todos os passos são importantes.

Obrigado!

Ângela Barnabé

Foto original por Aaron Burden on Unsplash

Pin It on Pinterest

Copied!