confiar em primeiro lugar

Antes de tomar alguma decisão, o melhor a fazer é confiar.

Escrevo isto tendo em mente todas as vezes em que tomei decisões com base no medo ou na dúvida e que criei um “problema” ainda maior do que o que queria resolver e vi-me embrulhada na dúvida e no medo.

Ou então as vezes em que manipulei as coisas para evitar passar por situações e depois senti-me mal por saber o que fiz e por não ter aproveitado uma oportunidade para trabalhar a minha segurança.

Eu ainda tenho medo, ainda me sinto insegura; isso ainda faz parte da minha realidade porque ainda estou agarrada a uma visão dualista da realidade.

Mas quando tenho oportunidade (quase todos os segundos da minha vida) posso escolher confiar em vez de controlar.

Tal como já escrevi várias vezes, é um treino. Pratiquei quase 17 anos de controlo e desconfiança. Mas agora, se escolher confiar contribuo para uma cada vez mais quantidade de tempo a confiar.

Pode ser que um dia desperte totalmente e o medo e a dúvida simplesmente não façam parte da minha vida. Mas hoje, enquanto ainda “estão cá”, eles dão-me a possibilidade de escolher.

Posso escolher o que fazia antes e que nunca funcionou; ou posso escolher aquilo que sei que funciona: confiar em primeiro lugar!

Obrigado!

Ângela Barnabé

 

Pin It on Pinterest