exterior

Desde pequenos que nos é passada a ideia de que não somos completos e de que a vida é uma constante busca por preencher um vazio.

Seja um relacionamento, uma carreira de sucesso; existe uma constante pressão para alcançar o topo, como se isso fosse a única coisa que importasse.

Se isso não acontecer, se não formos os melhores ou os mais bonitos, existe sempre aquela sensação que falta algo.

E falta algo sim… Mas não é nada que o exterior nos possa trazer.

Todos nós já somos completos e perfeitos e a vida não é uma frenética busca pelo topo, nem pelo destino.

Vida é apreciar o momento e crescer com as situações. É reconhecer o nosso valor e o valor dos outros e juntos, cada um com o seu percurso individual, fazermos o mundo um lugar cada vez melhor.

Só aquilo que se alcança estando bem pode trazer mais bem-estar. Já fiz muitas coisas boas, mas sempre com intenção de me preencher e elas apenas me trouxeram mais vazio.

Mas também já fiz coisas “insignificantes” sentindo-me bem comigo mesma que me trouxeram mais coisas do que eu poderia imaginar.

As coisas acontecem do interior para o exterior. O exterior é o reflexo do interior.

A melhor maneira de saber se aquilo que eu faço é algo de sucesso é estar atenta àquilo que sinto antes, durante  e depois de o fazer.

Não há nada melhor que terminar o dia sentindo-me bem com tudo o que aconteceu, ainda que nada tenha corrido como esperado. Sentindo-me bem com a pessoa que sou e sempre, sempre aberta à mudança e a melhorar a cada dia que passa.

Obrigado!

Ângela Barnabé

Foto original por Irina Kostenich on Unsplash

Podes também gostar de:

Holler Box

Pin It on Pinterest