atenta

Antes de começar o meu processo de mudança, ou melhor, antes de decidir que queria seguir este caminho, achava que eu não tinha problema nenhum, pois eram as pessoas e as situações que me traziam mal-estar.

Depois, mais tarde, pensava que trabalharia durante algum tempo nos aspetos emocionais da minha vida e que chegaria o dia em que não tinha que trabalhar mais nada, seria só usufruir.

Mas, hoje, sei que as coisas são diferentes do que eu imaginei.

A vida não é algo estável e aquilo que funciona hoje pode não funcionar amanhã. Coisas que pareciam estar resolvidas e aprendizagens que pensava já ter, revelam-se de uma maneira diferente no futuro.

É crucial estar atenta sempre. Estar atenta àquilo que sinto para que aquilo que faço seja coerente com a realidade que quero experimentar.

Hoje sinto-me bem comigo mesma e para que isso acontecer amanhã tenho que estar tão ou mais atenta do que hoje.

O “trabalho” nunca está terminado porque a vida está em constante mudança e para que eu possa acompanhar esse processo e usufruir de tudo o que existe tenho que acompanhar com a minha própria transformação.

Quando me permito ver a beleza da transformação que é a vida, fico sempre com vontade de estar sempre atenta para poder usufruir de tudo ao máximo.

Obrigado!

Ângela Barnabé

Pin It on Pinterest

Copied!