mundo de possibilidades

Para mim a melhor forma de lidar com a vida era pensando em tudo o que podia acontecer. Todas as possibilidades, todas as decisões, reações e ações; tudo tinha que ser pensado e tinha que estar bem definido na minha mente.

Claro que esta vontade de ter tudo bem “claro” e controlado era causado pela falta de confiança na vida. Quanto mais me focava em me precaver para o pior que podia acontecer, mais vezes me deparava com as situações que mais temia.

Quando eu não pensava em nada (naqueles momentos em que não podia mesmo prever que algo iria acontecer), tudo fluía bem e, independentemente da situação em mãos, as soluções apareciam quando e onde menos esperava.

Será que não era o meu constante foco no pior que podia acontecer que criava aquela possibilidade e realidade na minha vida?

Eu vivia tão intensamente um “futuro” cinzento, que no momento presente, já sentia o “mal” que podia acontecer.

Como é que eu podia criar a realidade que realmente queria se, de todas as possibilidades que poderiam acontecer, eu me focava naquelas que menos queria experienciar?

Todos os dias sou presenteada com um mundo de possibilidades e posso ter a certeza que aquilo que eu estou a experienciar é o resultado da escolha de uma delas.

Obrigado!

Ângela Barnabé

Pin It on Pinterest

Copied!