O que é verdadeira felicidade?

Eu sei que não há verdades absolutas, e o que para mim é absolutamente inquestionável para outra pessoa pode ser algo susceptível a dúvidas. Mas penso que o conceito de felicidade deveria ser unânime. Sentirmo-nos realmente bem connosco mesmos devia ser a sua verdadeira base.

Mas não é isso que se busca.

Se formos perguntar à alguém na rua se é feliz, ela provavelmente vai negar. Porquê? Por que tem que trabalhar todos os dias, por que lhe dói a cabeça, por que tem de ir arrumar a casa, fazer o jantar… E podia estar aqui infinitamente a enumerar desculpas que justifiquem o facto de não sermos felizes.

A felicidade passa por ter um relacionamento, por não ter que trabalhar, por ter mais dinheiro… E esquecemo-nos que é um estado de espírito que não depende de nada nem ninguém.

É sentirmo-nos a fazer parte, sem medo, dúvida ou ansiedade.

É um estado que só depende de nós e está nas nossas mãos permitir que esta entre nas nossas vidas.

Que tal apreciarmos e usufruirmos de tudo o que nos rodeia e aproveitarmos cada segundo como se fosse o último?

Será que existem muitas definições de felicidade ou que há muitas fugas à verdadeira felicidade?

Por isso do que é que estás à espera para seres feliz?



Ângela Barnabé 

Pin It on Pinterest